Reader Comments

14 Ideias Super Criativas Para Personalizar A Estante

"Maria Alícia" (2018-04-23)

 |  Post Reply

Você pode ser um fã de quadrinhos há anos ou estar começando agora. Em ambos os casos você pode achar que ler em formatos digitais é uma experiência mais bacana do que no papel. Por isso, fizemos este guia para quem está querendo entrar no mundo dos quadrinhos digitais.

estante para vinilSinto muito lhe informar, mas você vai ter que correr atrás. Em alguns lugares você encontra bancas que mantém um grande estoque de miniaturas que já foram lançadas e recolhidas de outras bancas. Não é fácil de achar, mas elas existem, ou mesmo algumas lojas especializadas em produtos colecionáveis. Procure principalmente nos centros das cidades.

SÃO PAULO (impressionante) - Enquanto rolam as 6 Horas aqui em Interlagos, vamos desovar algumas coisinhas que venho guardando há alguns dias. Começando pela mais incrível coleção de miniaturas 1:43 que já vi. Ela pertence ao blogueiro Sergio Luis dos Santos, do Rio. São os carros de todos (ou quase; deve estar faltando alguém, não é possível!) os pilotos brasileiros que correram no exterior.

Só para deixar bem claro: eu não quero dizer com nada disso que você não deveria nunca mais comprar uma revista em quadrinhos analógica. Eu sei que para muitos fãs nada vai superar a sensação do papel nas mãos, e orgulho de ter comprado uma edição lá na época em que ela saiu pela primeira vez". Eu acho que as duas formas são legais, e apesar de hoje em dia ler praticamente só na tela, não acho que qualquer um deva" fazer mesmo. que eu acho é que não se deve dispensar essa nova possibilidade apenas pelo orgulho velha guarda. Há espaço para as duas formas.

Uns dias depois, comentaram que as editoras dessas capas duras de super-herói foram das poucas do mercado livreiro que conseguiram ficar no azul no pior da krize no ano passado. Tem bastante editor querendo entender e copiar fenômeno. Imaginei centenas de cenas iguais à da banca se repetindo por aí - provavelmente mais em versão virtual, no carrinho de compras da Amazon. É algo recente no Brasil. Entre várias coisas curiosas do fenômeno está essa predileção pelas capas duras, que rende umas analogias entre quem liga colecionismo a buscar solidez no mundo. Pode ser também que as capas duras formam blocos TOC-friendly na estante. Vai saber transtorno obsessivo de cada um.

A maioria dos colecionadores opta por definir a sua coleção por um tema. Tem gente que coleciona apenas miniaturas de uma determinada marca (Hot Wheels ou Greenlight, por exemplo), outros colecionam apenas de uma determinada montadora (Volkswagen, Audi, etc) e alguns colecionam apenas determinados modelos como Fuscas e Mustangs. Existem coleções imensas por aí apenas compostas somente de Mustangs.

Agora os pontos ruins: a Tia May é um acessório, não tem relevância nenhuma para história e as cenas com ela também poderiam ser cortadas que não fariam diferença no filme. Tirando Ned que é melhor amigo e Flash que é alívio cômico e garoto que pega no pé do Peter, os outros personagens também não apresentam nenhum tipo de relevância narrativa. A pior personagem sendo a da Michele, várias teorias foram divulgadas recentemente apontando quem ela seria na verdade, mas foi um desperdício de tempo, todas as cenas dela são sem sentido e ela aparece e some do nada, completamente descartável.

No começo desse ano rolou uma postagem aqui no blog que fez um relativo sucesso a respeito do assunto colecionismo. Estou me referindo aquela dica que dei em torno de uma estante para guardar os figures miniaturas de One Piece ( este link ). Porque esse tipo de móvel não é fácil de encontrar em lojas convencionais e são verdadeiros tesouros para quem precisa de um espaço personalizado para guardar sua coleção.

Jorge Beard e Haroldo Hutchins são duas crianças cheias de energia e que adoram fazer travessuras, tantas que sobra até para os colegas de classe. Se você é um colecionador" de enfeites e recordações, com certeza precisa de espaço para organizar e expor todos os seus bibelôs, livros, decorações, enfim, que precisar! Para isso uma estante para carrinhos miniaturas é sempre a melhor opção. Um móvel clássico que vem se renovando a cada geração, sem perder a utilidade e tomando cada vez mais um viés decorativo no ambiente.

Dias se passaram, comigo pensando em como abordar novo conflito editorial da moda, Estética versus Qualidade, e em como Brasil está passando por isso nos quadrinhos, quando assunto são os encadernados. As parcerias entre roteiro e arte nessa coleção da Ática partem do editor, Fabrício Waltrick, que tem dom de acertar sempre. Eu e Rodrigo Rosa já fizemos três HQs juntos e nosso trabalho flui com uma naturalidade espantosa. Ele tem uma habilidade impressionante para mostrar os sentimentos dos personagens olhares, além de acrescentar detalhes e humor em cada quadro. É uma pessoa que claramente gosta do que faz. Mas nada disso daria certo se não contássemos com amparo dos editores, revisores, diagramadores… Estão todos lá na ficha técnica.

Add comment