Reader Comments

Acesse Quais Upgrades No Pc Oferecem O Melhor Custo-privilégio

"Joao Pedro Henrique" (2018-04-09)

 |  Post Reply

Fazer um upgrade em um Pc é meio como ceder um tiro no escuro. Sim, um processador ou GPU mais velozes, mais memória ou uma unidade SSD conseguem acrescentar significativamente o desempenho de um sistema. Entretanto descobrir qual atualização irá lhe oferecer o maior ganho de desempenho é algo que depende do exercício que você faz da máquina e de quais são os "gargalos" na configuração atual.


Se você não joga, uma GPU mais robusta não irá fazer tanta diferença. Caso você gostou nesse artigo e adoraria receber maiores infos a respeito do conteúdo relativo, veja neste link Leia mais mais detalhes, é uma página de onde inspirei boa quantidade destas informações. E se você passa a maioria do tempo utilizando o Word, modificar de um processador dual-core para um monstro com seis núcleos pode não resultar em nenhum ganho notório. O mesmo se aplica a quase cada outro upgrade possível. Felizmente, se você precisa de mais potência e tem alguns reais sobrando no bolso, podemos ajudá-lo a designar quais upgrades irão lhe dar o melhor proveito.


  1. Periodicidade da memória satisfatória, suporte para FX, entrada IDE
  2. 29 de Março de 2017 às 08:30
  3. Zeb Help Process
  4. Traseira de plástico, que mesmo imitando couro, desagrada alguns
  5. Venda dos jogos clássicos do PS One

Pra isso pegamos um Pc comum e fizemos o upgrade de seus componentes, um a um. Após cada upgrade, testamos o funcionamento e retornamos a máquina à configuração original antes de testar o componente seguinte. Nosso objetivo era ilustrar certamente os privilégios individuais da troca de um processador, GPU, memória e armazenamento. Os resultados estão abaixo. Começamos o projeto com uma máquina baseada em um processador Core i3-4330 (da família Haswell) com 8 GB de RAM e um HD de 640 GB e 7200 RPM da Western Digital.


Vídeo estava a cargo da GPU Intel HD 6400, e o sistema estava rodando o Windows 7 Ultimate na sua versão de 64 Bits. Não é um Pc fraco, nem sequer mesmo antigo, porém a CPU e a GPU não são essencialmente poderosas, os oito GB de memória estavam em um único pente (o que limita o desempenho) e o HD já estava bem velhinho.


EUA). É exatamente o tipo de processador que você descobre numa máquina de custo reduzido nos grandes varejistas, ou monstada por menores integradores. Estados unidos). Ele tem a mesma GPU Intel HD 4600 de nosso Core i3, mas 4 núcleos (com suporte a HyperThreading), mais cache e um clock mais grande. Trocando em miúdos, se tua máquina tem uma placa-mãe com um soquete LGA1150, o Core i7-4770K é o processador de forma acelerada que você poderá pôr nele. Números em pontos, quanto maior melhor.


Core i7-4770K. Na barra inferior, a configuração original com o Core i3-4330. Em nossos testes, o upgrade do processador resultou em incalculáveis ganhos no teste de CPU do Cinebench, e um salto de Leia mais de 17% no desempenho geral do sistema. A memória do sistema era DDR3-1600, a periodicidade máxima de forma oficial suportada pra processadores Haswell pra desktops. Todavia com somente um pente instalado, o sistema estava rodando em uma configuração Single-Channel, o que limita a largura de banda acessível. Dual-Channel com o dobro da largura de banda.


A largura de banda extra ajuda a preservar o processador e a GPU integrada "bem servidos" com dados, o que se intensifica o funcionamento do sistema em diversas circunstâncias. Números em pontos, quanto maior melhor. Este upgrade resultou em um ganho de mais de 17 por cento no PCMark sete, e o desempenho gráfico, medido no teste OpenGL do Cinebench, também aumentou significativamente. O SiSoft SANDA descreveu que com o sendo pente de memória instalado a largura de banda praticamente dobrou, o que auxílio bastante o desempenho gráfico.


A maioria dos sistemas de gráficos integrados, incluindo o Intel HD 4600 em nossa configuração base, utiliza a memória do sistema pra operações gráficas. Isto significa que a GPU integrada não só está consumindo uma porção da memória do sistema, mas também está competindo por largura de banda e recursos no controlador de memória do sistema. Instalar uma placa de video dedicada, com teu próprio sistema de memória integrado, libera a memória do sistema para emprego por outros aplicativos e pelo sistema operacional. A GeForce GTX 750 Ti. É nesse lugar que entra a GeForce GTX 750 Ti.


EUA) como é silenciosa, consome só 60 Watts e não exige que a fonte tenha conectores extras para alimentá-la. Se tua máquina tem um slot PCI Express X16, a GTX 750 Ti irá funcionar nela. Novas novas GPUs dedicadas exigem mais energia, e pra esta finalidade devem de um ou 2 conectores de força adicionais e, quem sabe, a troca da referência de alimentação de teu Pc por uma que consiga resolver com a carga.


Números em pontos, quanto maior melhor. OpenGL do Cinebench depois do upgrade. Na de miúdo, o desempenho pela configuração original. Botar a GTX 750 Ti em nosso sistema resultou em um ganho de funcionamento geral de somente 7%, de acordo com o PCMark sete, porém o funcionamento gráfico no teste de OpenGL do Cinebench foi pras alturas. Uma GPU mais sofisticada traria resultados ainda melhores.


Discos rígidos tem sido uma das fundações dos Pcs desktop e notebooks há eras. São confiáveis e acessíveis em capacidades inúmeras. Todavia mesmo os discos exigentes com pratos capazes de rodar a mais de 10.000 RPM tem complexidade em atingir taxas de transferência de mais de 230 MB/s, e tempos de acesso pela moradia dos 2 dígitos são comuns. Agora a maioria das boas unidades de estado sólido atuais não tem problemas em saturar uma interface SATA e doar taxas de transferência de mais de 520 MB/s, próximo com tempos de acesso de menos de um ms. Em algumas expressões, os SSDs são capazes de acessar e mover fatos mais mais rápido que cada outro disco severo.


As unidades de estado sólido também tem o proveito de não ter partes móveis, por isso são mais resistentes a vibrações e choques. EUA). Ele utiliza um controlador SandForce e tem velocidade de leitura sequencial de até 555 MB/s, e de escrita sequencial de até 525 MB/s. É um padrão um tantinho velho, porém ainda portanto rápido o bastante. Tal como a GTX 750 Ti, o SSD aumentou o funcionamento geral do sistema em um pouco mais de 7 por cento, de acordo com o PCMark sete, contudo as velocidades de transferência no CrystalMark cresceram exponencialmente, principlamente no acesso aleatório. Nas duas barras superiores, teste de escrita sequencial no SSD e no HD, respectivamente.



Add comment