Reader Comments

CFM Emite Parecer Sobre Uso De Medicamentos Off Label (Fora Da Indicação De Bula Ou

"Pedro Vicente" (2018-04-10)

 |  Post Reply

-Propriedades Farmacodinâmicas: cloridrato de lercanidipino, princípio ativo deste medicamento, pertence ao grupo farmacoterapêutico dos bloqueadores seletivos do canal de cálcio. lercanidipino é um antagonista do cálcio do grupo das diidropiridinas que inibe influxo transmembrana do íon cálcio no interior dos músculos cardíaco e liso vascular. mecanismo de ação anti-hipertensiva do lercanidipino deve- se ao seu efeito relaxante direto na musculatura vascular lisa, reduzindo, desta maneira, a resistência periférica total. Apesar da sua curta meia-vida plasmática, lercanidipino é dotado de prolongada ação anti- hipertensivo, devido ao seu alto coeficiente de partição na membrana bi-lipídica das células musculares dos vasos sanguíneos, e é destituído de efeito inotrópico negativo devido a sua alta seletividade vascular. Uma vez que a vasodilatação induzida pelo Zanidip é gradual no começo, hipotensão aguda com taquicardia reflexa foi raramente observada em pacientes hipertensos.

Roxflan com posologia, indicações, efeitos colaterais, interações e outras informações. Embora estudos de controle hemodinâmico tenham revelado que lercanidipino não é prejudicial às funções ventriculares, pacientes com disfunção do ventrículo esquerdo requerem atenção especial. Foi sugerido que a utilização das diidropiridinas de curta ação pode estar associada com aumento do risco cardiovascular em pacientes com doenças cardíacas isquêmicas. Apesar de possuir ação de longa duração, é solicitado precaução nestes pacientes. Algumas diidropiridinas podem raramente provocar angina pectoris (dor no peito). Muito raramente pacientes com angina pectoris preexistente podem apresentar aumento na frequência, duração ou gravidade destes ataques. Casos isolados de infarto do miocárdio podem ser observados.

Cada medicamento apresenta uma dose adequada para a terapêutica desejada, entretanto no paracetamol podemos verificar que a dose tóxica está próxima a dose terapêutica, fator este que leva a vários complicações durante uso indiscriminado do medicamento, sendo necessário acompanhamento e a orientação médica para adequado tratamento.

As células parietais secretam ácido através de uma estrutura chamada bomba de prótons, que é alvo da ação do omeprazol. omeprazol liga-se às bombas de prótons, provocando a sua inativação. Essa inativação das células parietais do estômago pelo omeprazol é capaz de reduzir a produção de ácido em até 95%, motivo pelo qual esse fármaco tem sido medicamento de eleição para tratamento das doenças gástricas relacionadas com a acidez.

Nos distúrbios alérgicos agudos e autolimitados ou nas exacerbações agudas dos distúrbios alérgicos crônicos (por exemplo, rinite aguda alérgica, ataques agudos de asma brônquica alérgica sazonal, urticária medicamentosa e dermatoses de contato) sugere-se seguinte esquema poso lógico, combinando as terapias parenteral e oral: 1º dia: Uma injeção intramuscular de 4 a 8 mg de DECADRON fosfato injetável (fosfato dissódico de dexametasona). 2º e 3º dias: Dois comprimidos de DECADRON (0,5 mg) duas vezes por dia. 4º e 5º dias: Um comprimido de DECADRON (0,5 mg) duas vezes por dia. 6º e 7º dias: Um comprimido de DECADRON (0,5 mg) por dia. 8º dia: Exame clínico de controle.

Ja tomei pantogar faz bastante tempo. Não gostei do resultado. Achei remedio muito caro, e me deu uns efeitos colaterais, por exemplo eu engordei muito( não tenho tedencia a engordar). Eu tomei pq meu cabelo estava caindo muito. Porem nao vi nenhum efeito de que ameniza-se apenas fato de ir engordando. Aqui em casa tem 3 mulhere( contando comigo!) e foi mesmo efeito de engordar, porém na minha mae e minha irma as unhas e os cabelos ficaram mais forte e a crescer também.

A associação de Actgym e Morosil tem se destacado bastante. Trata-se de solução completa à modulação do corpo, já que a administração de ativos In e Out, de uso interno e externo, respectivamente, essa administração age de modo bulas sinérgico, a potencializar ação de ativos.

Obriga a toda propaganda de medicamentos a trazer a mensagem "ao persistirem os sintomas, médico deverá se consultado" (artigo 15 ), dessa forma todas as formas e publicidade, seja escrita ou de rádio difusão, deve ter meios de disseminar esta advertência. Assim pode-se afirmar que os medicamentos, apesar de serem produtos lícitos, não estão isentos de fiscalização e controle das suas diversas formas de publicidade e propaganda, mesmo aqueles medicamentos isentos de prescrição médica, porém, ressalte-se que os medicamentos estão, em regra, dispensados de prévia autorização para veicular suas propagandas (§ 3º do artigo 12 ), no entanto, a fiscalização e controle se darão pela análise das peças publicitárias.

• Pacientes apresentando diabetes, osteoporose, predisposição à tromboflebite, hipertensão, doença cardíaca congestiva, insuficiência renal e tuberculose ativa requerem uso cuidadosamente controlado, sob orientação do Médico Veterinário. Algumas dessas condições são raras em cães, porém devem ser mantidas em mente.

Add comment