Reader Comments

Todos Os Fabricantes De Arquitetura E Design

"João Thiago" (2018-04-12)

 |  Post Reply

Para professor do curso de arquitetura da Unirp, Sidnei Sergio Espósito, Terminal Rodoviário de Rio Preto não foi planejado para dar acessibilidade. A exigência para que as construções tenham estruturas para facilitar acesso de todos foi estabelecida pela ABTN (Associação Brasileira de Normas Técnicas), em 1994. Antes não havia este tipo de preocupação", diz arquiteto. A Rodoviária foi construída nos anos 1970. A saída seria a construção de novo terminal rodoviário, com acessibilidade estrutural e de transporte público.

elevador guarapuavaInstalar um elevador de acessibilidade em sua casa não apenas gera um diferencial à sua propriedade, mas tem tantas vantagens de acessibilidade e facilidade de uso que um dia os elevadores residenciais poderão tornar as escadas obsoletas. elevador Curitiba de carga é montado com revestimento interno de cabinas nas versões de chapas de aço 1020, telas metálicas galvanizadas, chapas e telas formando um conjunto ou chapas de aço inox escovado quando tipo de produto a ser transportado assim exigir. Se modo de utilização assim exigir, podemos instalar nas cabinas um tipo especial de piso, além do padrão normal que é chapa xadrez de aço 1020, uns exemplos seriam chapa xadrez de alumínio, granitos ou outros eventuais produtos especiais conforme a necessidade assim exigir.

A Minilift Elevadores e Equipamentos possui uma ampla linha de produtos no seguimento de elevadores residenciais, elevadores comerciais e equipamentos de acessibilidade para atender da melhor forma as necessidades dos seus clientes. Como todas as estações, ali existem elevadores para pessoas com deficiência, idosos acima dos 60 anos, gestantes e pessoas com carrinho de bebê ou com criança de colo. Mas, quem frequenta a estação todos os dias sabe que esses elevadores são utilizados por várias pessoas fora destas condições.

Como sugestão Condomínio pode estudar a possibilidade de criar um "fundo de obras de acessibilidade" para a realização de obras e adaptações aos poucos, sem sacrificar orçamento e, igualmente, sem prejudicar direito dos condôminos portadores de deficiência ou com mobilidade reduzida.

ITER DOMUS é a linha da Alfabra EXCLUSIVAMENTE de elevadores residenciais. Muitos profissionais de arquitetura e decoração acreditam que uso de elevadores residenciais pode ser um atrativo a mais na proposta de interiores, como mostrado pelas tendências das últimas edições de eventos e feiras da área. As inúmeras opções de acabamento e personalização disponíveis atualmente no mercado permitem propostas criativas e inovadoras, harmonizando equipamento ao ambiente.

conforto e comodidade de quem usa Domuslift é a prioridade deste equipamento. É único elevador residencial do mercado com classe A de eficiência energética. Este homelift tem um consumo semelhante a uma máquina de lavar doméstica, sendo possível a sua ligação à rede doméstica de casa.

Decidi postar isso aqui porque vi que blog também tem um intuito jornalístico, de denúncias. Ai vem a pergunta: para que servem os ônibus adaptados - ainda mais os veículos de uma empresa do porte da Guarará, onde quase 100% de sua frota é adaptada - se os motoristas, ora são mal educados, ora não tem experiência em mexer nos elevadores, e ora não tem nem a chave do equipamento? É triste a situação do transporte de Santo André, ainda mais com a chegada de mais ônibus adaptados em linhas que nunca tiveram um desses antes, portanto, os motoristas não devem ter experiência nos elevadores.

Em 1943, foi a primeira vez que a terminação Psicologia Ambiental foi utilizada, por Egon Brunswik, psicólogo e PhD pela Universidade de Viena, que realizou pesquisa empírica sobre percepção, e também trouxe a sua abordagem probabilística para tolerar os problemas da percepção interpessoal, raciocínio, aprendizagem e psicologia clínica; ele se importava com estudos na área da psicologia sobre representatividade do design (ALVES e BASSANI, 2008). Sendo ele também responsável pelo conceito de validação ecológica, ou seja, um problema só é válido para ser pesquisado se tiver significância na vida cotidiana dos indivíduos estudados (GÜNTHER, PINHEIRO e GUZZO, 2004).

Os elevadores residenciais da Interface são ideais para quem deseja melhor custo benefício do mercado para promover acesso a coberturas, prédios residenciais, prédios públicos e até mesmo residências. A Plataforma para Deficientes Físicos é construída com tecnologia hidráulica, que garante um deslocamento suave e preciso com baixo consumo de energia, uma vez que a bomba hidráulica de baixa potência consome energia apenas para subir, já a descida é realizada pela força da gravidade. Entre em contato com a BASS ELEVADORES e solicite informações sobre Plataforma para Deficientes Físicos.

A plataforma para deficientes físicos é um modelo de elevador que consiste em atender portadores de deficiência e prover maior conforto e comodidade no deslocamento entre um andar e outro nos edifícios. Através dos serviços da plataforma para deficientes físicos são criados modelos personalizados para os mais variados segmentos do mercado e necessidades requeridas.

Add comment