Reader Comments

Rolling Luggage

"Paulo Pietro" (2018-04-12)

 |  Post Reply

primeiro ponto a ser pensado antes de ir pesquisar preços e modelos e comprar malas é saber quanto você precisa de um item novo antes de viajar. Muitas vezes, conforme a viagem, viajante necessita de uma mala bem específica, de certo tamanho e resistência que dificilmente usará de novo em outra viagem.

levar na mala8.3 Usuário acessará sua conta através de login e senha e compromete-se a não informar a terceiros esses dados, responsabilizando-se integralmente pelo uso que deles seja feito. Usuário é único responsável pelas operações efetuadas em sua conta pois as informações necessárias para a realização do acesso deverão ser de seu conhecimento exclusivo.

Todas as malas durarão mais tempo se-lhes dispensar regularmente alguns cuidados. Resistência e durabilidade são dois aspectos de muita importância para uma mala de viagem. Por isso, no momento de escolher a sua, analise bem a qualidade do material (das rodinhas também, caso tenha). Escolher uma mala realmente resistente evitará que você tenha que trocá-la rapidamente ou passe pela desagradável situação de que ela rasgue ou quebre durante uma viagem.

Nas viagens aéreas é preciso ter mais cuidado, pois as bagagens de mão não podem ter mais de 5 quilos, com tamanho até 115 cm. Nas bagagens despachadas, cada pessoa pode transportar máximo de 23 kg. Acima disso, você vai pagar pelo excesso de bagagem.

Teste material da mala molhando uma área pequena. Pegue um pano úmido e, se quiser, um sabonete ou detergente neutro, e esfregue em uma área escondida da maleta. Caso material não estrague, limpe resto da mala, trocando pano conforme necessário. Passe um novo pano molhado para remover os resíduos de sabão.

Aqui estão algumas dicas para ajudá-lo a obter melhor uso a longo prazo de suas malas, garantindo sua beleza por todo esse tempo. Quem vai pegar a estrada de carro, a recomendação é a mesma. Invista em malas pequenas, mas confecionadas com tecidos leves e maleáveis. Caso a pessoa resolva levar no carro a mala de mão, com algo frágil dentro, ideal é que a bagagem seja feita de materiais resistentes como lona ou couro.

Tome banho ao final do dia, antes de se deitar. Assim, pode aproveitar para lavar as peças que usou nesse dia, caso seja necessário. Desta forma, a roupa terá tempo para secar durante a noite e até estará pronta para usar no dia seguinte. Uma dica: lave a roupa interior durante duche, assim poupa algum tempo.

Não é preciso dizer que a rígida é a mais pesada de todas e, dependendo do tipo de viagem, pode não ser uma boa opção. Outra desvantagem das malas rígidas é poderem ficar riscadas mais facilmente. Mas a tecnologia tem avançado muito, e já existem malas rígidas bem mais leves, embora preço seja mais elevado.

Uma armação interna feita em fibra de vidro assegura simultaneamente a resistência e baixo peso de bagagem de mão da bagagem. As estruturas internas podem ainda ser produzidas em alumínio, madeira, compostos de matérias plásticas moldadas, bem como de combinações dos acima mencionados materiais. Uma armação pesada aumentará peso da bagagem mesmo antes de fazer a mala. As etiquetas das bagagens contêm frequentemente uma lista dos materiais utilizados na armação. funcionário da loja deverá saber explicar-lhe que significam os materiais indicados na etiqueta.

bolsas de couroCom ótimo tamanho (40x55x20 cm) e espaço interno amplo (39 litros), a mochila vem com compartimento principal com bolso e também bolso em tela. Há também puxador em alumínio reforçado para garantir resistência e alças por vários lados: superior, lateral e alças de ombros ajustáveis.

Estou planejando uma viagem pra NZ, pretendo ficar lá 5 meses. Tenho grande dúvida que tipo de mala levar: a rígida, a de tecido e uma outra sem estrutura, todas com 4 rodinhas (claro). Achei a de tecido muito pesada e já estou descartando. A rígida me agradou mas tem gente falando que ela pode quebrar fácil pois os funcionário jogam as malas de qualquer jeito e a sem estrutura é mais leve mas estou com medo de ela rasgar fácil ou quebrar alguma peça. Não pretendo levar nenhum objeto que quebre dentro da mala e meus eletrônicos irão na bagagem de mão.

Em conclusão a melhor alternativa para a questão não seria logicamente tirar de circulação os tradicionais veículos pau-de-arara que há várias décadas vem prestando serviços a população brasileira e principalmente nordestina.A solução mais viável seria apenas aplicar a legislação de transito em vigor,notadamente as recomendações da resolução n° 82 do Conselho Nacional de Transito,a legislação em geral proíbe a circulação desses veículos pois são veículos que deveriam carregar apenas cargas mas por necessidade carregam também passageiros então um mínimo de segurança deve ser observado, é que a resolução reza e é que as autoridades de transito não fiscalizam e os proprietários desses veículos não cumprem,afinal é melhor prevenir do que remediar.

Add comment