Reader Comments

M E Como O Índice Funciona No Mercado Imobiliário?

"Maria Lavínia" (2018-02-13)

 |  Post Reply

Para proprietário do imóvel, seguro fiança é uma garantia de que ele continuará recebendo valor do aluguel e os demais encargos assumidos na locação, mesmo que inquilino deixe de pagá-lo por uma eventualidade. Ao contrário dos contratos com fiador que, em caso de inadimplência, fiador é quem acaba ficando responsável por quitar a dívida deixada, com seguro fiança, aluguéis atrasados e quaisquer outras despesas começam a ser pagas imediatamente depois pela seguradora.

Comprar um imóvel financiado é mais complexo do que escolher a casa ou apartamento , proceder com financiamento imobiliário, assinar contrato e fazer os pagamentos. A Constituição Federal de 1988 como meio de criar uma política de desenvolvimento e ainda de combater a especulação ImobiliáRia Curitiba traz nos termos do já citado artigo 182, especificamente no parágrafo 4º, onde prevê a criação de uma lei, mediante previsão no Plano Diretor Municipal, que possa instituir alíquotas progressivas no tempo, ou seja, a cada ano que a propriedade mantém-se desocupada e sem cumprir sua função social seu imposto será aumentado.

Outra situação similar ao processo de loteamento do setor Coimbra, é processo de ocupação da área onde é hoje setor Araguaína Sul. Esta área foi loteada em parte pelos proprietários fundiários e agentes imobiliários. Segundo alguns moradores que não querem seu nome identificado proprietário da área senhor José Silva que detinha a posse da terra loteou uma parte, e cedeu outra para Estado para doação a população carente, visando com essa atitude a implantação de infraestrutura, para essa localidade pelo Estado, para com isso valorizar sua área loteada. Este caso é semelhante no que se refere a estratégia do proprietário fundiário para valorizar suas terras no urbano, é mesmo caso do setor Coimbra.

Por este motivo, autores como Farias e Rosenvald (2010, p. 193) entendem que razoável então não seria se cogitar do termo condomínio, mas de compropriedade, pois a situação de sujeição do bem a cada qual dos proprietários não é reduzida pelo fato do direito de propriedade ter sido fracionado.".

A contratação de um seguro fiança não é obrigatória, mas é uma alternativa bastante viável para quem deseja agilizar processo de aluguel sem ter que envolver terceiros na negociação. Além disso, esse tipo de seguro pode ser contratado para aluguel de imóveis comerciais e residenciais.

Caso você já tenha consolidado a decisão de comprar um apartamento , uma casa ou um imóvel comercial, é importante avaliar todos os aspectos que envolvem a assinatura de um contrato. Todos sabem que a propaganda é a alma do negócio" e corretor se encarrega justamente de anunciar a venda do seu bem nos diversos tipos de mídia, assim as chances de vender seu imóvel aumentam e tempo de espera pela concretização do negócio diminui. Além dos meios de comunicação corretor também é responsável por colocar faixas no local, que também é um excelente meio de divulgação.

Consultoria: Durante período de vigência do contrato, a imobiliária também funciona como um suporte ao locador e locatário, sanando dúvidas e resolvendo eventuais situações que possam ocorrer. Elas também são responsáveis por contratar ou indicador prestadores de serviços como bombeiro hidráulico, eletricista, etc, que façam reparos necessários no imóvel.

É lá que ela será registrada e, a partir daí, poderá ser feita a alteração de propriedade da matrícula do imóvel. Nesse momento, a presença do consultor imobiliário é fundamental para garantir que todo esse processo corra segundo que é regido pela norma legal.

Já entre os egípcios, a transferência costumava-se fazer através de dois atos distintos: inicialmente, um cobrador de tributos, incumbido de cobrar imposto fundiário, inscrevia nome do novo proprietário; secundariamente um oficial público procedia à anotação dos nomes das partes contratantes, conteúdo e data dos contratos.

Assim, a avaliação patrimonial serve para solucionar diferentes impasses, desde operações comerciais (como compra, venda e aluguel) até situações de litígio. Todos esses usos justificam a importância da prática, bem como indicam os casos em que pode ser adotada.

A certidão de matrícula é que comprova a propriedade do imóvel, sendo amplamente utilizada pelo mercado imobiliário e como fonte de informação em inúmeros negócios, garantindo a transparência e segurança em qualquer relações econômicas ou jurídicas.

Conflitos entre locador e inquilinos são rotina em uma locação imobiliária Surgem muitas dúvidas sobre que é obrigação de cada um deles e quais são os direitos das duas partes. A vantagem de contar com uma imobiliária é que não é necessário envolver-se em discussões ou brigas com inquilinos ou proprietários, as divergências são solucionadas e intermediadas pela imobiliária com respaldo legal.

Add comment