Reader Comments

5 Dicas Pra Permanecer Seguro Pela Internet

"Pedro Davi Lucas" (2018-04-14)

 |  Post Reply

Os cabos passam pelos Estados unidos e, pra fazer a conexão com o Japão ou com a Europa, a gente tem de atravessar por lá", explica Artur Coimbra, diretor de banda larga do Ministério das Comunicações. Os detalhes transmitidas pela internet no Brasil são transmitidas para o resto do universo através de seis sistemas de cabos de fibra óptica. Segundo o iG apurou, 4 deles exercem conexão com os Estados unidos (encontre o infográfico) , o que coloca os Estados unidos como principal rota das sugestões enviadas a partir da internet brasileira, mesmo que não seja seu destino desfecho. Como não existem cabos submarinos pra ligar todos os países, os pacotes de dados passam por grandes pontos de troca de tráfego (PTTs), data centers onde redes de extenso porte de organizações de web, provedores e operadoras se acham.


Os pacotes de detalhes passam por PTTs de grande porte, como o NAP das Américas achado em Miami (Estados unidos). Nestes data centers, grandes roteadores recebem infos trazidas por cabos submarinos, verificam o destino e redirecionam os pacotes de detalhes para outros cabos que os levem até teu destino fim. Os Estados unidos são um ponto de concentração, em razão de recebem muito tráfego e geram muito tráfego de internet", diz Getschko. Antes uma questão somente de logística, o controle a respeito de os cabos submarinos que conectam as redes de internet em o mundo todo tornou-se pergunta de segurança nacional.


No total, o Brasil tem uma know-how de banda contratada para transmissão de dados por intervenção de cabos submarinos de 3,7 Tbps (terabits por segundo), de acordo com a consultoria TeleGeography. Para efeito de comparação, essa banda permitiria que o Brasil transmitisse a mesma quantidade de dados armazenados em 657 DVDs a cada segundo pros Estados unidos. A perícia de transmissão de fatos contratada, mas, não é totalmente usada.


Poucas ações outras, todavia, exercem parte da estratégia do governo para socorrer e-mails, conversas de chat e outras infos das ações de espionagem da NSA. O principal projeto em conversa é a construção de 2 cabos submarinos: um precisa conectar o Brasil diretamente à Europa e outro necessita ligar o Brasil à África.


Dessas localidades, os pacotes de fatos com origem no Brasil poderão escoltar rotas para países da Europa, Oriente Médio, Ásia e Oceania, sem atravessar pelos EUA. Nos dias de hoje, o Brasil detém só um cabo submarino conectado à Europa por intervenção de Portugal, o Atlantis-2, porém ele é usado só para transporte de comunicações por voz, por ter capacidade limitada.



  • Nunca minta

  • O anúncio de oferta

  • um - Mentir sobre o nível de inglês

  • Mantas tricotadas são versáteis e são capazes de fazer às vezes de tapete

  • Compare as embalagens

  • vinte e nove de Janeiro



Os projetos imediatamente estavam em andamento antes das denúncias de Snowden. Eu não poderia me esquecer de apresentar um outro web site onde você possa ler mais a respeito, quem sabe neste instante conheça ele porém de cada forma segue o link, eu adoro suficiente do assunto deles e tem tudo existir com o que estou escrevendo por essa postagem, leia mais em clique na seguinte página do website. Estamos há mais de um ano fazendo estudos sobre o assunto esses cabos submarinos", diz Caio Cezar Bonilha Rodrigues, presidente da Telebras. Após as denúncias, todavia, a estatal acelerou o procedimento e necessita transmitir em breve um projeto de construção dos cabos, com o estudo a respeito possíveis rotas e custos envolvidos, ao Ministério das Comunicações. Tão logo o governo haja uma explicação e o orçamento filiado, o cabo levará 18 meses pra ser implementado", diz Rodrigues.


O novo cabo pra Europa necessita sair de Fortaleza (CE), cidade com maior densidade de cabos submarinos no Brasil, ir por Fernando de Noronha e escoltar até Portugal ou Espanha. No caso da conexão submarina entre o Brasil e a África, o governo brasileiro não terá que fazer grandes investimentos. O projeto é uma iniciativa liderada pelo consórcio de operadoras Angola Cable.


Somos parceiros só para elaborar o ponto de aterragem do cabo em Fortaleza", diz Rodrigues, da Telebras. O cabo, que precisa ter seis,5 mil quilômetros, ligará o Brasil à Luanda, pela Angola. A construção de novos cabos submarinos, contudo, depende de altos investimentos. Nação com a Europa, por meio do Oceano Atlântico, podes sair ainda de valor elevado.


A Telebras pesquisa organizações brasileiras, europeias e de outros países sul-americanos que tenham interesse em investir nos novos cabos submarinos. Programa de Sustentação do Investimento (PSI). Além da iniciativa do governo brasileiro, não há nenhum outro cabo planejado para conectar o Brasil à Europa nos próximos anos. No caso da conexão entre o Brasil e a África, há outros 2 cabos submarinos planejados até o presente momento, com início da operação calculado para 2015. Mas, nenhum deles está em construção. Não há nenhuma garantia de que qualquer um deles saia do papel, entretanto ao menos um deles deve ser construído", diz Brian, da TeleGeography. Cada novo cabo submarino deve ter inteligência para irradiar fatos a uma velocidade entre dezesseis Tbps e 32 Tbps.



Add comment