Reader Comments

Docking Station SATA USB

"Clara" (2018-06-11)

 |  Post Reply

relevantes sites

No Brasil é irreal localizar NAS a um valor que não envolva partes do organismo e/ou teu primogênito, e backups em DVD não são realmente práticos. Após muito estudar a melhor escolha, fora fazer um miniservidor Linux com placa-mãe Rodovia (planos para os próximos meses) é usar HDs, que estão estupidamente baratos. Primeiramente tentei cases externos, porém cada case significa um cabo de potência, um cabo de fatos, um tijolo ligado na tomada e um emaranhado de fios que deixaria Peter Parker emocionalmente abalado.


Abandonada essa estratégia, achei as docking stations, suportes externos pra HDs, onde posso espetar os discos, ler e gravar o que necessita ser lido ou gravado, guardar o disco na gaveta e pronto. Um hard disk vira um disquetão. Um outro recinto interessante que eu adoro e cita-se sobre o mesmo assunto por esse website é o blog simplesmente clique o seguinte artigo. Talvez você goste de ler mais sobre isso nele. 18,00. Infelizmente o website está fora do ar neste instante, desse jeito nada de link direto. No caso embora esteja escrito, o paradigma adquirido não tem HUB USB nem leitor de cartões. Isso não é muito comum nessas coisas chinesas, todavia é super bem-vindo.


  • 15Mbps Hiperlink
  • 14/05/2018 19:35 | Carlos Felipe
  • Zero Assumption recovery
  • Reply JAIME dezembro 1, 2017 at 8:41 am
  • 21 de Março de 2017 às 17:00
  • Pode converter cada vídeo nas resoluções 4k 3840 x 2160 ou 4096 x 2160
  • Rápida detecção de dificuldades no HD
  • Eu me sinto capaz de participar fisicamente em atividades

No fundo da caixa, temos um cabo USB, um cabo de potência, a fonte, manual e um CD com drivers. O peso não é muito, porém tudo fica firme. O aparelho suporte HDs de laptop e HDs normais, mesmo os menores agora englobam massa o suficiente para que nada fique deslizando pela mesa. Por ser o paradigma mais claro, se resume a uma porta USB, porta de potência e botão liga/desliga. A utilização é identicamente fácil. Espeta-se o cabo de potência, liga-se o cabo USB ao micro computador.


Com o botão de liga/desliga na posição desligado, encaixe um HD SATA. Sem força, só com jeito. Depois do encaixe, ligue o power. Em alguns segundos o HD se iniciará e aparecerá em teu pc, como um disco externo. Use geralmente e só não se esqueça de desmontá-lo (Mac/Linux) ou ejetá-lo (Windows) quando terminar. Aí é só desligar o power, remover o disco e guardar.


O dispositivo foi testado com quatro HDs diferentes, comparando inclusive com o HD interno do Macbook. O programa utilizado foi o espartano entretanto produtivo Xbench. A grande diferença se fez notar só com o HD mais moderno, instalado internamente. O HD interno antigo, de 80GB era tão desagradável que perdeu em quase todos os quesitos, pros HDs no equipamento USB.


A maioria dos discos severos estaciona seus cabeçotes de leitura / gravação no momento em que o sistema está desligado, no entanto eles estão voando sobre simplesmente clique o seguinte artigo prato da unidade a uma distância de alguns nanômetros no momento em que estão em operação. Ademais, até mesmo os freios de estacionamento têm limites. Se você é rude em seu objeto, um SSD é recomendado. Disponibilidade: Os discos enérgicos são mais incalculáveis em sistemas antigos e de custo reduzido, mas os SSDs estão se convertendo mais predominantes em laptops de última criação, como o Apple MacBook Pro, que não apresenta HDDs como opção configurável.


Os desktops e laptops mais baratos, por outro lado, seguirão oferecendo HDDs, no mínimo nos próximos anos. Fatores de forma: Como os discos severos dependem de pratos giratórios, existe um limite pro tamanho que são capazes de ser criados. Houve uma iniciativa pra fazer discos enérgicos pequenos de 1,oito polegada, entretanto isso está parado em por volta de 320 GB, em razão de os fabricantes de phablet e smartphones se adaptaram à memória flash para armazenamento primário. Os SSDs não têm essa limitação, por isso, eles são capazes de continuar diminuindo conforme o tempo passa.


Os SSDs estão acessíveis em caixas de 2,cinco polegadas para portáteis, contudo isto é só por conveniência. Discos severos mais rápidos produzem mais ruído do que os mais lentos. Os SSDs aproximadamente não executam barulho, por causa de são não mecânicos. Os discos rígidos acabarão por se desgastar também, visto que usam métodos de gravação física. A longevidade é uma lavagem no momento em que é separada das preocupações de viagem e robustez. No geral: os discos exigentes ganham em preço, prática e disponibilidade. Os SSDs funcionam melhor se a velocidade, a robustez, o fator de forma, o ruído ou a fragmentação (tecnicamente fração da velocidade) são fatores relevantes pra ti.


Se não fosse pelos dificuldades de valor e know-how, os SSDs seriam os ganhadores. Por isso, um SSD ou HDD (ou um híbrido dos 2) atende às tuas necessidades? • Entusiasta de usuários multimídia e usuários de downloads pesados: os colecionadores de filme precisam de espaço, e você só poderá chegar a 4 TB de espaço a baixo custo com discos severos.


• Clientes de orçamento: Idem. • Profissionais de artes gráficas e engenharia: editores de filme e fotógrafos gastam o armazenamento pelo emprego exagerado. Substituir um disco severo de um TB será mais barato do que substituir um SSD de 500 GB. • Usuários gerais:Os usuários gerais são um lance. As pessoas que preferem baixar seus arquivos de mídia localmente ainda precisarão de um disco rigoroso com mais know-how. Todavia se você transmitir tuas músicas e videos on-line, comprar um SSD menor pelo mesmo dinheiro proporcionará uma experiência melhor. • Road warriors: As pessoas que empurram seus laptops em suas malas indiscriminadamente vão desejar a segurança extra de um SSD.


Esse notebook podes não estar completamente suspenso no momento em que você o fecha violentamente para apanhar seu próximo vôo. Isso também adiciona pessoas que trabalham no campo, como trabalhadores de serviços públicos e pesquisadores universitários. • demônios velocidade: se você precisa de coisas feitas já, gasta o dinheiro extra pra inicialização rápida e lançamentos de aplicativos. Suplemento com um SSD de armazenamento ou disco enérgico, se você precisar de espaço extra (acesse abaixo).


• Artes gráficas e profissionais de engenharia:Sim, sabemos que precisamos de discos rígidos, mas a velocidade de um SSD poderá fazer a diferença entre completar duas propostas pro seu freguês e completar 5. Esses usuários são os principais candidatos para sistemas de drive duplo (mais sobre o assunto abaixo). • Engenheiros de áudio e músicos: Se você está gravando música, não quer que o som arranhado de um disco severo seja invadido. Dirigir-se para SSDs mais silenciosos. A memória flash atua como um buffer para arquivos usados com freqüência, pra que seu sistema tenha a capacidade de inicializar e começar seus aplicativos mais primordiais mais de forma acelerada, mesmo que você não possa instalar diretamente nada deste espaço.



Add comment